Armazenamento em nuvem, o que é e como funciona

Armazenamento em nuvem - dispositivos conectados e arquivos compartilhados

O que é armazenamento em nuvem?

Armazenamento em nuvem é a tecnologia que permite usuários e empresas armazenar, manter e acessar dados em servidores de alta disponibilidade via internet. Geralmente apresentado como um serviço, com ele qualquer computador ou dispositivo móvel pode enviar ou acessar informações via internet.

Empresas especializadas em serviços de nuvem geralmente oferecem planos gratuitos, porém limitando a capacidade de armazenamento e o número de usuários simultâneos por conta. Esses planos geralmente começam a ser cobrados caso o usuário exceda o espaço oferecido e/ou tenha interesse em mais espaço que o plano gratuito ou algum tipo de serviço adicional.

Empresas que disponibilizam esse tipo de serviço possuem datacenters com diversos servidores e sistemas de armazenamento para atender milhares de usuários simultaneamente. Apesar desses benefícios aparentes, transferir dados para um serviços de nuvem nem sempre é a melhor solução para todos, pois gera novos custos mensais, nem sempre é a melhor solução técnica para nossos problemas e levanta questões importantes para discussão, como a segurança e a privacidade. Assim, empresas e usuários cada vez tem mais implementado soluções de armazenamento como o NAS funcionando como cloud storage, criando assim nuvens privativas de armazenamento.

Dúvidas? Fale com nosso especialista!


Como funciona esse serviço de armazenamento

Empresas de tecnologia como Microsoft, Amazon, Apple e Google possuem datacenters com milhares servidores e storages que trabalham 24 horas por dia, 7 dias por semana, durante o ano inteiro (24x7). Esses equipamentos são conhecidos por sua alta disponibilidade, isto é, pela capacidade de funcionar de forma ininterrupta sem apresentar problemas técnicos que causem perda de dados. Além disso, alguns datacenters possuem sofisticados planos para recuperação de dados, mantendo inclusive informações duplicadas em diferentes endereços físicos para prevenção contra desastres naturais ou falhas.

Logos de serviços de armazenamento em nuvem - Google Drive, OneDrive, iCloud e Box

Assim, serviços conhecidos como o Google Drive, OneDrive, iCloud e Box são apenas algumas das opções de serviços de armazenamento em nuvem que disputam a atenção de consumidores e empresas ao redor do mundo. Dependendo do plano e empresa contratada, quando um usuário ou empresa envia algum arquivo para um servidor de nuvem, esse arquivo pode também ser replicado para servidores de datacenters de outros países.

Ao acessar um serviço de armazenamento em nuvem através de um computador ou celular, o usuário está na realidade acessando um desses servidores via internet, recebendo privilégios de acordo com o plano contratado. Assim fica fácil armazenar, editar, compartilhar e excluir arquivos, documentos, fotos, vídeos, contatos e aplicativos via internet.

A única condição necessária para acessar arquivos armazenados em nuvem é uma conexão estável com a internet. É através dela que o usuário consegue fazer upload e download de arquivos, bem como fazer o gerenciamento e a edição de arquivos e pastas do servidor online.

Como funciona o armazenamento de nuvem privado?

Muitas empresas e usuários finais tem optado por construir suas nuvens particulares através da aquisição de um storage NAS. Fabricantes como Qnap, Synology, Seagate e Infortrend tem disponibilizado uma série de equipamentos para facilitar essa tarefa. Pequenos storages podem disponibilizar seus dados de forma segura para seus usuários através de proteções como criptografia de dados, firewall, anti-vírus e acesso mediante autenticação por login e senha.

Armazenamento em nuvem privado - NAS Qnap sendo utilizado em ambiente de escritório para armazenamento de nuvem privado

Como os preços desses sistemas de armazenamento vem diminuindo, qualquer usuário pode montar sua própria nuvem privativa de dados, com vantagens importantes como não ter nenhum custo mensal associado, dados armazenados numa área particular e capacidade de armazenamento quase ilimitada quando comparada aos serviços de nuvem mais usados.

Outro ponto importante é que soluções em nuvem como backup corporativo podem ser problemáticas quando exigidas. Empresas que precisam acessar bases de dados disponíveis em backup geralmente não tem tempo disponível para downloads demorados.

Vantagens e desvantagens ao usar o armazenamento em nuvem

Usar a tecnologia de armazenamento em nuvem traz uma série de benefícios não apenas para uso pessoal, mas também no campo profissional. Afinal, você pode guardar seus arquivos, trabalhos acadêmicos, fotos, vídeos e projetos inteiros em um servidor na web sem se preocupar com o espaço seu computador ou dispositivo móvel. O problema é que usuários menos informados não conhecem as dificuldades que esse sistema também apresenta. Relacionamos algumas vantagens e desvantagens sobre o assunto para que cada usuário tire suas próprias conclusões:

Vantagens

Redução de custos e menos dispositivos. Armazenar arquivos em HDs externos não é seguro. Na nuvem, tudo fica num armazenado num datacenter equipado com diversos servidores e storages. Para usuários que realmente precisam de seus dados por perto e acessar dados via internet, os novos personal cloud storages são mais confiáveis e dão conta do recado. Para usuários que não querem gastar comprando novos eletrônicos para guardar arquivos, alguns serviços de nuvem são gratuitos. O resultado é menos gastos, menos dispositivos e mais espaço recebido, muitas vezes sem pagar nada por isso.

Mobilidade. Usar um serviço de armazenamento na nuvem para manter seus dados proporcionará mais mobilidade para as tarefas do dia a dia. Nessa modalidade é possível acessar arquivos de qualquer lugar através de uma conexão de internet, inclusive usando um celular. O problema é que conexão estável de internet no Brasil geralmente também significa custo elevado, mesmo que esse tipo de serviço nem sempre esteja disponível para todas as regiões do país.

Maior performance em projetos colaborativos. Manter dados em nuvem também pode melhorar a colaboração dos grupos de trabalho, possibilitando que diferentes usuários de diferentes locais acessem os mesmos arquivos. Compartilhar e desenvolver projetos colaborativos onde muitas pessoas estão envolvidas sempre foi um desafio. Projetos baseados em nuvem podem ser executados por diferentes usuários sem a menor necessidade de sair de casa para trabalhar, pois tudo é feito pela internet.

Escalabilidade. A vantagem de "pagar pelo uso" é que empresas fornecedoras estão sempre prontas a cobrar mais. Grandes fornecedores de serviços cloud geralmente atraem clientes com ofertas para a prestação de serviços iniciais grátis e com o tempo passam a tarifá-los de acordo com o uso. A parte boa é que contratações básicas sempre podem ser atualizadas sem qualquer restrição na quantidade de dados que será processada ou o número de usuários simultâneos acessando o sistema. A maioria desses datacenters vendem serviços que podem ser escaláveis (atualizados) por capacidade, processamento, segurança e tudo mais que o usuário imaginar.

Personalização de recursos. Ainda que serviços básicos de armazenamento em nuvem sejam gratuitos, planos personalizados para alguns tipos de usuários e empresas podem custar muito caro. Mais espaço, processamento e funcionalidades não previstas não previstos no projeto podem inviabilizá-los totalmente, por isso verificar se o pacote de serviços suportará as demandas é uma necessidade básica. 

Instalação simplificada. Alguns aplicativos para gerenciar serviços de armazenamento exigem algum tipo de instalação no dispositivo do usuário para funcionar. A boa noticia é que os dispositivos mais novos já "nascem" preparadas para o armazenamento em nuvem, dispensando configurações complicadas. A maioria dos computadores e celulares já possuem browsers que podem acessar planilhas, editores de texto, calendários, agendas, editores de imagens e multimídias sem precisar de instalação adicional.

Desvantagens

O armazenamento em nuvem não dispensa a necessidade de manter dados corporativos num sistema de armazenamento local. Seja para migrar dados de apenas um servidor de uma pequena empresa ou computador de uma residência, manter nossas informações em ambientes de terceiros sempre pode causar transtornos.

Fora aspectos técnicos como o tempo para recuperação de dados em caso de desastre, segurança, disponibilidade de serviços, bandas de transmissão, diversos outros pontos devem ser previamente analisados antes da decisão de migrar dados ou o sistema de backup para nuvem, como questões legais e de privacidade.

Para saber mais sobre o assunto, acesse nossa página Principais riscos ao armazenar dados na nuvem.

Junte-se a mais de 40.000 Pessoas e Conheca as Novidades do Mundo: Armazenamento de dados!

Armazenamento de dados

Tudo o que você precisa saber sobre soluções de Armazenamento de dados.

Sistemas para Armazenamento de Dados DAS, NAS e SAN

Sistemas para Armazenamento de Dados DAS, NAS e SAN

Sistemas para Armazenamento de Dados: Saiba mais sobre Storages NAS, DAS e redes SAN, onde são aplicados e conheça alguns exemplos de utilização.

7 erros mais comuns ao comprar um sistema de armazenamento

7 erros mais comuns ao comprar um sistema de armazenamento

Saiba como evitar os erros mais comuns antes de adquirir um servidor ou storage. Confira aqui algumas dicas para facilitar esse processo de compras.

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?

Conheça as soluções resistentes a falhas de hardware, software e energia para não perder dados.