Backup em nuvem: O que é e como funciona

Se você já excluiu ou substituiu acidentalmente um arquivo importante, foi atacado por ransomware ou teve um laptop perdido ou roubado, entende a importância de fazer backup de arquivos importantes.

Como todos os equipamentos falham, fazer backup em apenas um dispositivo externo também não é 100% seguro.

Assim, a melhor forma para garantir a segurança de seus dados é ter um plano de backup robusto, preferencialmente através da criação de duas cópias de segurança, uma no meio físico (em equipamentos confiáveis) e outra em algum serviço de nuvem.

Os Melhores storages para backup

A primeira providência para que tudo realmente funcione é ter um equipamento para backup local seguro, confiável e automático.

Para isso, não conte com um HD externo ou pen-drive. Esses equipamentos podem parar de funcionar sem avisar e não possuem redundância contra falhas.

Equipamentos como storages NAS cumprem melhor esse papel, possuem diversas ferramentas contra falhas e podem ser de grande utilidade para pequenas e médias empresas.

Além disso, manter uma segunda cópia dos dados em outro local e longe da área de produção é de grande valia, principalmente em caso de grandes acidentes.

Os serviços de nuvem

Ter um equipamento de backup de alta disponibilidade localmente nem sempre é suficiente para quem precisa ter um plano de backup seguro e a prova de falhas.

Nesses casos, complementar a solução de backup local e contratar algum serviço de nuvem pode ser uma ótima alternativa .

O armazenamento em nuvem é um serviço prestado por provedores de internet como o Google, Microsoft e Amazon. Esse serviço consiste em alugar um espaço para o armazenamento de dados em servidores remotos.

Associar um NAS de alta disponibilidade, um ou mais aplicativos para backup automático e um serviço de backup em nuvem protege a maioria dos ambientes, residenciais ou corporativos, contra falhas ou perdas de dados acidentais.

Apesar da maioria dos usuários entenderem a importância de ter um equipamento de backup robusto, muitas empresas ainda possuem dúvidas sobre a estratégia de também ter dados na nuvem.

Entenda o que é nuvem

A computação em nuvem é a tecnologia que se refere a serviços prestados por datacenters, geralmente de terceiros, entregues via internet e hospedados em servidores, sistemas de armazenamento e backup para esse fim.

Ao contrário da hospedagem na web tradicional, os serviços em nuvem costumam ser vendidos sob demanda, ou seja, são oferecidos de forma elástica.

Isso significa que é possível contratar um serviço que pode ter sua capacidade de processamento e/ou armazenamento aumentada ou diminuída de forma online e de acordo com cada necessidade.

É importante destacar que os serviços de nuvem podem ser privados ou públicos. Enquanto nas nuvens privadas o usuário possui amplo acesso e gerenciamento, uma nuvem pública é administrada pelo próprio provedor do serviço.

Além disso, enquanto uma nuvem privada entrega recursos para hospedar e fornecer serviços apenas para um número limitado de usuários, uma nuvem pública hospeda e vende serviços para qualquer usuário da internet.

Entenda o que é nuvem

O que é backup em nuvem?

Backup em nuvem é fazer cópias de segurança dos serviços, aplicações, banco de dados e arquivos em uma estrutura de armazenamento computacional secundária, geralmente externa e longe da empresa, através de linhas de comunicação como as conexões de internet.

Também conhecido como backup online ou backup remoto, esse processo tem como estratégia fazer cópia de arquivos, aplicações ou banco de dados para um local secundário, físico ou virtual, fora do local de trabalho, para manter os dados seguros em caso de alguma falha.

O servidor de backup e os sistemas de armazenamento de dados que cumprem essa tarefa e normalmente são hospedados em um datacenter de provedores de serviços terceirizados.

Esses provedores geralmente cobram o backup de acordo com o espaço de armazenamento contratado, pela largura de banda de transmissão de dados, número de usuários e servidores ou pela periodicidade em que os dados são acessados.

Como funciona o backup na nuvem?

Fazer backup na nuvem é basicamente fazer uma cópia (upload) dos arquivos em um repositório remoto online, onde pode ser acessado quando necessário.

Ao contratar uma serviço de backup em nuvem, o primeiro passo é fazer uma cópia completa de todos os dados e arquivos que se deseja proteger.

Esse processo pode levar horas, dias ou até meses, dependendo da quantidade de arquivos e da velocidade do link de comunicação utilizado.

Há diferentes estratégias e ferramentas para manter estes dados sempre atualizados e protegidos. Uma boa prática é usar soluções de backup automático para manter tudo sempre atualizado.

Em uma estratégia de backup 3-2-1, por exemplo, existem 3 cópias de dados, onde 2 estão em mídias locais diferentes e ao menos uma em algum serviço de armazenamento em nuvem.

Crie uma nuvem privada de dados com um NAS

Existem diversas abordagens para o tema backup em nuvem, essas são as principais:

Os tipos de backup na nuvem

A grande maioria dos provedores de nuvem oferecem aos clientes a opção de escolher o método que melhor se adapte às suas necessidades.

Essencialmente, existem três tipos principais de backup em nuvem a ser considerado, são eles:

Backup completo

O backup completo é o tipo mais básico existente e também o que oferece o mais alto nível de segurança. Neste tipo, tudo o que você tem é completamente copiado na primeira vez que você o habilita.

Embora seja o mais seguro, a maioria das organizações não pode ou não tem como realizar backups completos na nuvem com frequência. Além de consumir muito tempo, requer muita capacidade de armazenamento de dados.

Backup Full

A vantagem deste tipo de backup é que você sempre tem uma maneira fácil de recuperar completamente seus arquivos, tendo tudo em um conjunto de dados.

Por outro lado, dadas as suas características, os backups completos em nuvem exigem mais espaço de armazenamento e largura de banda do que outros tipos. Além disso, o processo de realizar o backup de todos os dados sempre, também é bastante lento.

Backups incrementais

Os backups incrementais, por sua vez, funcionam de maneira completamente diferente do backup completo.

No caso do backup incremental, o principal objetivo é preservar todos os arquivos que não foram alterados e copiar apenas os dados que foram criados ou modificados desde o backup anterior.

Digamos que você tenha feito um backup completo na segunda-feira à noite. Ao executar um backup incremental na quarta-feira, ele fará backup de todos os arquivos que foram criados ou atualizados na terça-feira.

Esse processo é repetido por vários períodos e tem como principal vantagem a velocidade em que as cópias são realizadas.

Backup Incremental

O problema é que dispositivos sequenciais como fitas não reescrevem os arquivos, por isso recuperar dados em alguns casos significa ter que reconstruir novamente o volume através de muitas operações.

Além de poupar espaço e tempo, este tipo de backup garante que os dados estejam sempre atualizados. Em contrapartida, pode dificultar a execução de uma restauração completa, caso seja necessária.

Assim, para restaurar um cópia completa e atualizada dos dados, cada um dos backups incrementais executados deve ser aplicado progressivamente ao backup completo inicial.

Backups diferenciais

Por fim, um backup diferencial é a cópia cumulativa de todas as alterações feitas desde o último backup completo, ou seja, a consolidação das cópias fragmentadas desde o último backup completo.

O tempo de recuperação nesse processo é mais rápido, pois exige apenas a cópia original completa e o último backup diferencial para restaurar todo o repositório de dados.

Backup Diferencial

O backup diferencial é uma espécie de consolidação das cópias incrementais, que unifica e copia fragmentos atualizados de dados cada vez maiores.

A desvantagem disso é que as cópias diferenciais tomam mais espaço que as incrementais, especialmente se muitos dados foram alterados.

Esse processo também aumenta o tempo de backup e a área de armazenamento quando comparado ao método incremental.

Assim como o backup incremental, a cópia diferencial também requer menos espaço de armazenamento que o backup completo e permite manter várias versões do mesmo arquivo.

Dúvidas? Fale com nosso especialista!

Vantagens do backup na nuvem

Dentre as vantagens no backup em nuvem, destacam-se:

Backup na nuvem vs local

Enquanto as soluções de backup local requerem uma equipe de TI e servidores físicos próprios, as soluções de backup em nuvem transferem os arquivos pela internet e os armazenam em data centers remotos.

Servidores, storages, fitas de backup ou discos rígidos são os equipamentos que geralmente são usados para o armazenamento do backup local.

Considerando que alguns desses equipamentos não possuem a redundância necessária e podem falhar, a estratégia de backup 3-2-1 minimiza o risco de perda de dados.

Ao contratar um backup na nuvem, você estará essencialmente alugando espaço em servidores de terceiros para fazer backup e recuperar dados a qualquer momento.

Mas isso também significa abrir mão do controle total dos dados, da privacidade e delegar a segurança dos dados para terceiros, uma vez que os provedores se tornam os responsáveis por eles.

Em resumo, o backup local oferece controle total sobre como os arquivos serão armazenados e copiados, não exigem links externos, não possuem mensalidade e facilitam o processo de recuperação de dados.

Copiar arquivos localmente também oferece ao usuário a oportunidade de escolher quando, onde e com que frequência será feito o backup de seus arquivos.

Entretanto, manter só uma cópia local também significa que caso haja qualquer imprevisto grave, é bem provável que todos os dados sejam perdidos.

Backup vs. recuperação de desastres

O backup e a recuperação de desastres (DR) não são a mesma coisa. Enquanto o backup consiste em manter uma cópia do dados importantes, a recuperação de desastre foi criada para restaurar rapidamente toda ou parte da infraestrutura de negócios.

A recuperação de desastres pode proteger mais do que apenas os dados de negócios, ela protege os arquivos do sistema operacional, configurações em geral, configurações de rede, credenciais do usuário, os dados de clientes e o ambiente como um todo.

Uma verdadeira solução para a recuperação de desastres não apenas possui os dados, mas também fornece todos os recursos, físicos ou virtuais, para ativar os servidores e aplicativos dos clientes, possibilitando que eles continuem com suas operações mesmo em caso de desastres.

Conheça a linha de storages all flash Seagate

O backup de nuvem híbrida

O backup em nuvem híbrida é uma solução baseada na associação de um provedor e um sistema de armazenamento dedicado no local, como um NAS, com serviços de atualização aos serviços de nuvem contratados.

Esse armazenamento local mantém os arquivos e dados úteis localmente, além de uma cópia de segurança na nuvem e sempre online, caso sua empresa precise acessá-los rapidamente de forma remota.

Uma das vantagens do formato híbrido é a possibilidade da criação de um cache de armazenamento local dos arquivos mais utilizados, agilizando os processos de recuperação de dados em caso de imprevistos.

O backup híbrido é considerado uma prática recomendada porque permite que sua empresa permaneça em conformidade com um plano de backup no formato 3-2-1.

Ao fazer backup na nuvem e localmente, você garante que suas informações estarão sempre disponíveis, mesmo que sua empresa seja vítima de incêndio, inundação ou algum outro desastre sério.

Somos especialistas em soluções de backup

A ControleNet é especialista em sistemas de backup e possui diversas soluções para que seu plano de backup corporativo seja seguro e confiável.

Ligue e tire suas dúvidas. Estamos prontos para determinar qual a melhor solução de backup para sua empresa, evitar custos desnecessários e eventuais erros de projeto.

Fale com nosso especialista!
Ligue: (11) 3475-5000

Backup

Tudo o que você precisa saber sobre soluções de Backup.

Fazer backup em HD externo é seguro?
Fazer backup em HD externo é seguro?

Fazer backup em HD externo nem sempre nos salva de desastres. Saiba evitar problemas futuros e implementar um sistema de backup robusto e funcional.

O backup na nuvem funciona para pequenas e médias empresas?
O backup na nuvem funciona para pequenas e médias empresas?

Muitas empresas têm recorrido a soluções de backup em nuvem sem uma boa análise de riscos. Confira nossas dicas antes de adotar uma solução de backup.

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?
O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)? Conheça nossas soluções resistentes a falhas de hardware, software e energia e não perca mais dados.