Atendimento por WhatsApp

5 desafios do backup na nuvem que você precisa conhecer

Se você gerencia um ambiente de TI corporativo, provavelmente está familiarizado com as técnicas convencionais de backup e recuperação na nuvem.

Essas soluções podem até funcionar bem na maioria das configurações de multi-cloud mas, quando você migra para um ambiente de nuvem híbrida, o processo de backup e a recuperação na nuvem se tornam mais complicados.

O backup na nuvem possibilita o acesso remoto aos dados armazenados, permitindo assim que o ambiente seja recuperado com facilidade em casos de desastres ou falhas.

Backup em nuvem

Mas as falhas podem ser ocasionadas por diversos fatores e a qualquer momento, principalmente em ambientes de processamento intensivo como datacenters.

Portanto, estar preparado para enfrentá-las é uma estratégia válida e assertiva, uma vez que ajuda a recuperar um ambiente ou serviço e evita a perda de dados importantes.

Embora a nuvem possua diversas ferramentas para o trabalho 24x7, há inúmeros desafios que rondam o backup na nuvem. Vamos discorrer sobre o tema e entender como contorná-los.

1. Como controlar os custos crescentes da nuvem?

As soluções de backup e recuperação de desastres baseadas em nuvem estão se tornando cada vez mais populares entre organizações de todos os tamanhos.

Muitos provedores de soluções em nuvem fornecem a infraestrutura para armazenar dados e, em alguns casos, as ferramentas para gerenciar processos de backup e recuperação de desastres.

Entretanto, é importante ter em mente que dados consomem espaço, exigem gerenciamento e possuem diversos custos associados.

Os Melhores storages para backup

Por isso é preciso saber selecionar quais dados serão guardados a fim de realmente aproveitá-lo com sabedoria.

No geral, pode-se guardar na nuvem tudo o que for de valor extremo para a empresa, porém muita coisa pode simplesmente continuar sendo armazenada localmente.

Antes de começar a enviar dados gerais sobre funcionários, fichas de trabalho, arquivos office, projetos em andamento e outros dados para a nuvem, é função do gestor de TI analisar os custos e riscos envolvidos entre comprar um serviço de nuvem ou manter os dados localmente.

O problema é que como em qualquer outro serviço, a nuvem cobra por ineficiências como as associadas ao armazenamento e backup de dados não utilizados.

Isso significa que dados de cold storage, backup ineficientes e o acúmulo de informações duplicadas que ocupam espaço no servidor também serão tarifadas.

2. Como posso cumprir minhas obrigações de conformidade?

Outro desafio do backup na nuvem está relacionado com as obrigações de conformidade.

Empresas que trabalham com dados confidenciais precisam gerenciá-los e operá-los adequadamente para cumprir as exigências regulatórias.

À medida que adotam novas tecnologias, essas organizações precisam garantir que continuam a cumprir esses regulamentos. Mas na computação em nuvem isso não é tão simples quanto parece.

Manter a conformidade dos dados na nuvem exige grande esforço, tanto por parte do provedor de nuvem quanto do cliente.

Sem esse esforço, os dados armazenados podem correr o risco de não aderir às regras e regulamentos obrigatórios.

Considerando estes aspectos, os fornecedores de serviços em nuvem devem SEMPRE informar aos seus clientes com quais regulamentações seu ambiente está em conformidade.

Essas informações devem constar em documentos oficiais e ser revisadas, seja no site do provedor de serviços e/ou em seu contrato de nível de serviço (SLA).

Dúvidas? Fale com nosso especialista!

3. Como a nuvem lidará com projetos de rede complexos?

O mundo está mudando rapidamente, especialmente quando se trata de tecnologia.

Estamos passando por uma explosão global de dados, números recordes de ataques cibernéticos e mudanças na infraestrutura de TI.

Deste modo, o backup em nuvem nem sempre tem vantagens sobre as abordagens tradicionais de backup em nossos ambientes de TI locais.

Algumas infraestruturas são notoriamente complexas, por isso não é incomum que uma equipe tenha que fazer malabarismos com soluções díspares para servidores, armazenamento, rede e vários ambientes de nuvem.

Quando a complexidade do ambiente aumenta, os membros da equipe de TI podem não ter visibilidade total sobre o desempenho e da segurança de cada sistema.

Neste sentido, apesar do backup em nuvem simplificar parte dessa complexidade automatizando o processo de cópia, vale lembrar que testes frequentes da recuperação de ambiente precisam ser feitos e contam muito no caso de imprevistos.

Quando o backup na nuvem é incluído como parte de uma estratégia de recuperação de desastres, as equipes de TI precisam estar conscientes que os SLAs e os objetivos associados ao tempo e aos ponto de recuperação sejam atendidos com o mínimo de envolvimento do TI.

O modelo de DR (Disaster Recovery) baseado em testes minimiza a chance de desastres, por isso identificar e solucionar pontos vulneráveis de um plano de backup corporativo sempre é uma boa prática.

Como a nuvem lidará com projetos de rede complexos?

4. Como orquestrar sistemas para recuperação na nuvem?

Ao contrário dos servidores tradicionais, muitos servidores em nuvem dividem e distribuem os dados em vários locais. Isso significa que mais localidades poderão estar vulneráveis à diferentes ameaças.

Como um serviço de nuvem pode ser acessado de qualquer local apenas com uma conexão de internet, uma pequena falha de segurança pode comprometer vários sites simultaneamente.

A boa notícia é que isso também permite que membros autorizados da equipe de TI ou de recuperação de desastres iniciem a recuperação do sistema mesmo que um dos ambientes esteja inacessível.

Assim, é preciso criar um plano de restauração e recuperação dos dados consistente.

As melhores soluções de recuperação de dados sempre possuem um plano de contingência local para a criação e a organização do ambiente ou serviço, com o tempo de downtime previamente calculado para tudo voltar a ficar online.

Alguns softwares permitem configurar rotinas de backup offsite, proporcionam a opção de habilitar ou desabilitar a recuperação instantânea, bem como também adicionar regras de mapeamento de rede.

Storages Enterprise Qnap

5. Como gerenciar o backup e a DR baseados em nuvem depois de implementados?

Dependendo das opções de implantação escolhidas, é possível ter várias alternativas para os tipos de tecnologias e processos que um empresa emprega para backup e recuperação de desastres.

Estas alternativas podem ser do tipo contínua, instantânea ou até em fita tradicional. Consultar especialistas pode te ajudar no gerenciamento da melhor opção para a sua empresa.

Muitas soluções de armazenamento em rede já possuem recursos para sincronizar dados localmente, gerando uma proteção extra para o backup e a recuperação de desastres

Com esse método, a cópia mais recente de um disco ou aplicativo é replicada continuamente para outro local ou para a nuvem, minimizando o tempo de inatividade e fornecendo pontos de recuperação mais granulares.

Vantagens e desvantagens do backup na nuvem

A nuvem permitiu que as equipes de TI se adaptassem mais rapidamente as mudanças do ambiente de trabalho, principalmente dentro das grandes empresas.

Porém a migração para a nuvem nem sem sempre é um processo simples, principalmente em ambientes que incorporam diversas redes com soluções de hardware, software e diferentes fabricantes envolvidos.

Outro ponto é que o número de phishing e outros ataques cibernéticos aumentou durante a pandemia, colocando em risco os dados das empresas que apoiam seus planos somente no backup em nuvem.

Como consequência muitas equipes de TI lutaram para proteger uma estrutura de trabalho totalmente remota sem tempo para se preocupar com a infraestrutura interna.

Essa situação tem levado muitas empresas a adotar soluções híbridas e implementando storages locais para proteger seus backups, aumentando assim a segurança e tornando os dados facilmente acessíveis para eventuais restauração de dados.

Em conclusão, quando se combina a proteção de dados local e de nuvem em um plano de backup automatizado e unificado, sua organização se beneficia da defesa multicamada e dos recursos de recuperação orquestrada.

Crie uma nuvem privada de dados com um NAS

Somos especialistas em sistemas de armazenamento e backup

Enfrentar os desafios do backup na nuvem e estabelecer as melhores práticas para manter serviços sempre disponíveis é uma das maiores preocupações do profissional de TI.

Planos bem elaborados e frequentemente testados diminuem os riscos com a perda de dados e possibilitam a rápida recuperação em caso de falhas.

Alguns equipamentos e serviços de backup oferecem redundância de software e/ou hardware a fim de garantir a segurança dos dados armazenados.

A Controle Net é especialista em sistemas de armazenamento e fornece diversas soluções para garantir que seu plano de backup empresarial seja seguro, confiável e viável.

Fale com nosso especialista!
Ligue: (11) 3475-5000

Backup

Tudo o que você precisa saber sobre soluções de Backup.

Sistemas para Armazenamento de Dados DAS, NAS e SAN
Sistemas para Armazenamento de Dados DAS, NAS e SAN

Sistemas para Armazenamento de Dados: Saiba mais sobre Storages NAS, DAS e redes SAN, onde são aplicados e conheça alguns exemplos de utilização.

O que são Snapshots e como funcionam as cópias instantâneas?
O que são Snapshots e como funcionam as cópias instantâneas?

Veja a diferença de snapshots para backup e as aplicações que o snapshot realiza para evitar a perda de dados.

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?
O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)?

O que é um Storage de alta disponibilidade (HA)? Conheça nossas soluções resistentes a falhas de hardware, software e energia e não perca mais dados.