Atendimento por WhatsApp

Qual servidor Intel Xeon comprar? Xeon E, D, W ou Scalable?

Qual servidor Intel Xeon comprar? Xeon E, D, W ou Scalable?

A linha de processadores Intel Xeon costuma ser a melhor escolha para equipar servidores e estações de trabalho de alta performance.

Um servidor ou storage equipado com essa família de CPUs pode lidar com processos exigentes em cálculos, nuvens corporativas dentro de ambientes virtualizados e todo o tipo de aplicações gráficas.

Se você tem dúvidas quando o assunto trata de servidores e processadores, confira nossas dicas sobre servidores e CPUs. Compreender as características de cada processador ajudará você a escolher o servidor certo para sua empresa.

O que é um servidor Xeon?

A CPU em seu servidor também é chamada de processador. Processador é a unidade que recebe, interpreta e entrega as instruções de um sistema computacional. Ele também processa dados e executa tarefas, incluindo a execução de consultas e a exibição de páginas da web.

Conheça a linha de servidores Asus

Por estarem intimamente relacionados a capacidade de processamento do sistema, o modelo do processador que equipa os servidores acaba sendo associados ao nome comercial do servidor, assim é comum usuários utilizarem o nome do processador/fabricante quando estão comprando um novo equipamento.

Servidor Xeon é uma forma genérica de descrever servidores ou estações de trabalho (workstations) de fabricantes como a Asus, Dell, Lenovo ou HPe e que suportam um ou mais processadores corporativos Intel da família Xeon.

Por vários anos consecutivos, a Intel chamou seus servidores x86 corporativos que equipavam servidores e estações de trabalho (workstations) corporativos com a marca "Xeon", inclusive algumas versões dos processadores Pentium II (codename Drake) e Pentium III (codenames Tanner e Cascades).

Dúvidas? Fale com nosso especialista!

Quais são os servidores Xeon disponíveis?

A linha de processadores Xeon foi desenhada para suportar servidores multi-processados, ou seja, geralmente permitem ser equipados com mais que um processador por placa-mãe. A Intel possui atualmente quatro grandes famílias de processadores Xeon:

- Xeon E (Entry level servers)

- Xeon W (Workstations)

- Xeon D (Data center)

- Xeon Scalable (Sistemas escaláveis clusterizados)

Os processadores Intel Xeon E

A família de processadores Xeon E (codinome "Coffee Lake") foi lançada no final de 2018 e inclui processadores com frequência que partem de 1.7 a 4 GHz. Voltados para equipar servidores e workstations, essa família de CPUs tem o foco atender aplicações de pequenas e médias empresas.

Esses processadores são os mais baratos da linha de processadores corporativos e indicados para equipar servidores locais que ofereçam produtividade, confiabilidade e compatibilidade com aplicativos já existentes dentro do ambiente de rede local.

Esses processadores oferecem mais desempenho, segurança e vantagens significativas de performance quando comparados com servidores baseados em processadores da família Core, e são indicados para suportar aplicações internas que não podem ser migradas para a nuvem.

Conheça a linha de servidores Asus

Os processadores Intel Xeon W

Os processadores Intel Xeon W (codinome "Purley") é uma família de CPUs com frequências até 3.7 GHz (até 4.8 Ghz modo Boost) voltadas para estações de trabalho e servidores monoprocessadas, ou seja, permitem apenas um processador por placa-mãe.

Essa linha possui recursos para gerenciar até 2TB de memória RAM padrão ECC (Error-Correcting Code), possuem tecnologia HT (Intel Hyper Threading) e são voltadas principalmente para profissionais que utilizam aplicações pesadas nas áreas de saúde, computação gráfica, biologia, serviços financeiros, arquitetura, engenharia e construção.

A série de processadores Xeon W é ideal para servidores equipados com muitas placas gráficas, dispositivos de armazenamento em memória SSD, aceleradores, placas de captura e / ou controladores de rede com alto desempenho de E/S.

Os servidores e estações de trabalho equipados com processadores da família W-3200 permitem a visualização, simulação e renderização em alta velocidade, graças a CPUs dotadas até 28 núcleos habilitados para AVX-512, 56 threads e velocidades nativas de 4,6 GHz.

Os processadores Intel Xeon D

Os processadores Xeon D são CPUs para sistemas escaláveis que atingem 18 núcleos por pastilha, até 512 GB de memória RAM endereçável e consomem pouca energia.

Essa família oferece a arquitetura de processadores voltados para data center, integrando soluções otimizadas de virtualização, rede, armazenamento, nuvem e outras aplicações computacionais de alta densidade.

As inovações da plataforma escalável dos processadores system-on-a-chip (SoC) Intel Xeon D incluem ainda soluções de baixa potência e alta densidade, integrando recursos essenciais de rede, segurança e aceleração de processos.

Os processadores Intel Xeon Scalable

Os processadores Xeon Scalable são as CPUs voltadas para sistemas altamente escaláveis, que equipam grandes servidores com até oito processadores por placa-mãe e permitem soluções atingem 56 núcleos por pastilha (série 9200), até 36TB de memória (Optane+DRAM).

Essa família de processadores é indicada para compor nós de virtualização multi-processados complexos, ambientes de computação de alta performance (HPC) e outras soluções de alta disponibilidade.

Composta por soluções de diversos tamanhos para ambientes escaláveis e multi-processados, a Intel facilitou o entendimento da linha Xeon Scalable e os produtos com os nomes Bronze, Silver, Gold e Platinum.

Essa família de processadores conta com outros recursos de alta tecnologia, como o suporte a placas de rede 100 GbE, memórias não voláteis Optane DC, NVMe OF e a tecnologia de virtualização Intel VT-x.

Por que comprar um servidor Xeon?

Nem sempre é fácil determinar quando você precisa de um servidor Xeon em vez de outros processadores. A seguir estão algumas diferenças fundamentais que podem ajudá-lo nessa escolha.

Quer compartilhar pastas e arquivos em rede de forma segura? Use um storage NAS

O preço do servidor Xeon

Os processadores e servidores Xeon são mais caros do que a linha Core na maioria das vezes. Apesar disso, um processador Xeon E de entrada pode custar menos que os novos Core-i7 e Core-i9.

Isso facilita a escolha quando o foco é montar um servidor para pequenas empresas, como sistemas que executam tarefas que exigem menos recursos, como a distribuição de arquivos office, montar servidores de mídia ou fazer a hospedagem de um pequeno e-commerce.

Suporte de memória

Quase todos os computadores com CPUs Core suportam até 64 GB. Porém, a maioria dos sistemas Xeon suportam pelo menos 1 TB de memória RAM. 

Um dos melhores recursos de um servidor com processador Xeon é que ele suporta memória do tipo ECC, ou seja, com código de correção de erros. As memórias do tipo ECC protegem os dados contra erros de memória de bit único.

Essas memórias identificam e corrigem os erros, melhorando a estabilidade em sistemas computacionais em que a confiabilidade e o tempo de atividade são essenciais.

Alguns dos principais processadores Intel Core também suportam ECC, porém também exigem ter o chipset e a placa-mãe compatíveis. Mas para facilitar a equação e ter certeza de que o servidor tem suporte para memória ECC é mais fácil comprar um Xeon.

Processadores com Cache de memória

O cache é uma pequena quantidade de memória que está incorporada no próprio processador. Os processadores mais vendidos geralmente têm um cache de 8 MB ou menos, porém processadores corporativos possuem até 38,5 MB (Xeon Platinum 3º geração).

Velocidade de clock

A rapidez com que um processador funciona depende da velocidade de seu clock. A velocidade do clock é a velocidade em hertz (GHz) na qual o processador gera, distribui e processa as instruções. Quanto mais rápido o clock, mais instruções a CPU pode executar por segundo.

A velocidade não é o único recurso que deve ser considerado ao decidir sobre qual processador comprar. Isso porque o advento da tecnologia Turbo Boost possibilitou que as velocidades do clock dos processadores mudem dependendo da carga de trabalho.

A velocidade do clock e o Turbo boost geralmente estão relacionados à dissipação de energia. Quanto menor for a dissipação de energia térmica (TDP), menor será a velocidade do clock. Modelos com TDP mais alto geralmente têm capacidade de Turbo Boost mais alta. Um servidor Xeon com vários núcleos terá uma velocidade de clock menor.

Servidor Xeon com vários núcleos terá uma velocidade de clock menor

Dissipação de energia

Todos os CPUs Core, exceto a edição Extreme, têm TDP abaixo de 100W. A CPU Xeon chega a 165W. De modo geral, a dissipação de energia em um servidor Xeon é maior do que em um Core. Porém os servidores Core podem fazer overclock mais facilmente.

Múltiplas CPUs

Você está executando aplicativos que precisam de muitos núcleos de processador, memória extra ou uma largura de banda de memória mais alta? Talvez você precise de mais núcleos, threads e clock. Nesse caso, um servidor equipado com dois ou mais processadores possam ajudar.

Muitos Xeons oferecem suporte a várias CPUs. Eles fazem isso usando tecnologia on-chip adicionada para permitir que as CPUs se comuniquem. Dessa forma, as CPUs podem compartilhar o acesso à memória e coordenar tarefas.

Com esta configuração, cada CPU possui seu próprio conjunto de módulos de memória e um controlador. Ele também tem seus núcleos de processamento. Juntos, isso significa mais capacidade de computação, memória e largura de banda.

Conheça a linha de storages all flash Seagate

Os servidores para virtualização

Muitas cargas de trabalho de um servidor já estão virtualizadas. Os softwares e os sistemas operacionais funcionam dentro de "bolhas" isoladas conhecidas como nós, que nada mais são do que vários servidores agrupados por software, capazes de disponibilizar ambientes virtuais para seus usuários. 

Essa configuração pode isolar o que acontece dentro do data center, mantendo o ambiente virtual sempre disponível. Para fazer isso, o processador do servidor precisa ter extensões exclusivas que suportem essa associação de hardware.

As CPUs Xeon geralmente suportam bem essas extensões e aplicações corporativas. A maioria das placas-mãe para servidores e estações de trabalho também são desenvolvidas para suportar esses recursos.

Afinal, qual servidor Xeon comprar?

Quer você precise de um servidor para uma pequena empresa, um servidor de armazenamento ou uma estação de trabalho em nuvem, provavelmente um dos processadores Intel Xeon E proporcionarão o desempenho e a eficiência necessária.

Caso sua aplicação exija uma workstation de alta performance, com grande volume de processamento gráfico e muitos cálculos, os servidores Xeon W podem dar conta do recado.

A linha de servidores Xeon D é destinada a corporações globais que possuem infraestruturas virtualizadas, e são geralmente voltados para aplicações de nuvem híbridas corporativas, grandes sistemas ERPs como sistemas SAP, Oracle e Microsoft.

Datacenters com milhões de acessos simultâneos, nós clusterizados de grandes ambientes virtualizados, HPC e aplicações de AI ou Deep Learning geralmente exigirão servidores equipados com processadores da linha Scalable.

A ControleNet é distribuidora dos servidores Xeon da marca Asus, sinônimo em servidores de alta performance e disponibilidade. Entre em contato conosco para tirar suas dúvidas e escolher o servidor Xeon perfeito para sua empresa.

Fale com nosso especialista!
Ligue: (11) 3475-5000

Servidores

Tudo o que você precisa saber sobre soluções de Servidores.

Processadores: Núcleos, frequência ou threads?
Processadores: Núcleos, frequência ou threads?

Qual processador comprar para o novo servidor? Saiba mais sobre a tecnologia Multi-Core e Multi-threading e como melhorar a performance do sistema.

7 erros mais comuns ao comprar um sistema de armazenamento
7 erros mais comuns ao comprar um sistema de armazenamento

Saiba como evitar os erros mais comuns antes de adquirir um servidor ou storage. Confira aqui algumas dicas para facilitar esse processo de compras.

Qual storage comprar, NAS ou DAS?
Qual storage comprar, NAS ou DAS?

Saiba quais são as principais diferenças entre os sistemas de armazenamento NAS ou DAS e escolha qual atende suas necessidades.